fbpx

Sérgio Costa (PSD Guarda) crítica gestão da ULS da Guarda “abandono e incúria”

PSD Guarda – concelhia – Sergio Costa ao centro

O vereador sem pelouros diz mesmo que o “abandono e incúria da gestão da ULS da Guarda” tem levado à falência e agonia da saúde dos guardenses”.

Traçando um cenário negro para a instituição “faltam médicos, faltam enfermeiros, faltam operacionais, falta material e instalações”. Falta uma estratégia de futuro para a saúde na Guarda.

O recém Presidente da concelhia do PSD, atual vereador sem pelouros na maioria Social-Democrata do Município da Guarda, ironiza que o “descongelamento da segunda fase do hospital da Guarda deve-se às alterações climáticas que até hoje não deixaram que o Governo cumpra a promessa”. Promessa de António Costa na campanha eleitoral das legislativas de 2020 de assim retomar a segunda-fase da construção do Hospital da Guarda – não cumprida até hoje.

Recorde-se que esta primeira componente da segunda-fase de construção do hospital, foi cancelada pelo Governo do PSD. Foi cancelada a construção do pavilhão V pelo anterior governo de Passos Coelho estando por apurar o montante da indeminização ao empreiteiro pela paragem das obras que já decorriam.

Hospital Sousa Martins, Guarda
ULS Guarda aspeto da Campanha eleitoral do PSD