fbpx

GUARDA: Dívida às AdP ultrapassa os 30 Milhões

A dívida do Município da Guarda ao grupo Águas de Portugal tem aumentado de forma galopante nos últimos 10 anos. Em 2013, a dívida do Município da Guarda ao Grupo AdP era de 11 MILHÕES de euros.

Os extintos Serviços Municipalizados de Aguas e Saneamento da Guarda (SMAS Guarda) têm uma dívida acumulada ao Grupo Águas de Portugal de €29 259 953 (VINTE E NOVE MILHÕES DUZENTOS E CINQUENTA E NOVE MIL EUROS E NOVECENTOS E CINCOENTA E TRES MIL EUROS) a 31.12.2019.

 

FOTO(s): Relatório e Contas, de 2019 AdP

 

 

A dívida contabilizada no Município da Guarda (em 2019) é de € 1 219 129 (UM MILHÃO DUZENTOS E DEZANOVE MIL E CENTO E VINTE E NOVE EUROS).

 

O Município da Guarda, segundo o RELATÓRIO & CONTAS de 2019, deve ao Grupo AdP – Águas de Portugal, SGPS, S.A o montante de €30 479 082 (TRINTA MILHOES QUATROCENTOS E SETENTA E NOVE MIL EUROS E 82 EUROS. {€29 259 953 + € 1 219 129}

 

As AdP indicam que o ano, “será ainda marcado por mais uma iteração com vista à celebração de acordos de regularização de dívidas municipais, numa tentativa de continuar a reduzir a carteira de clientes, e os respetivos custos”. O Município da Guarda não pretende regularizar a dívida às AdP, sem decisão judicial.

 

 

 

%d bloggers like this: