fbpx

GUARDA: Adquire antiga casa da Legião

 

A intenção de compra do imóvel mereceu a aprovação dos vereadores do PS, mas com a ressalva que consideram que o “elevado valor do negócio” é “alto demais” e que havia outras maneiras de adquirir este imóvel por parte da autarquia.

 

A reunião de Câmara da Guarda aprovou por unanimidade a aquisição da antiga casa da Legião Portuguesa, situada em frente à porta principal da Sé Catedral da Guarda, por 260 mil euros.

 

O imóvel tem uma área de total do terreno de 662 m2, uma área de implantação de 370 m2 e uma área de construção de 740 m2 e situa-se na zona histórica da Guarda.

 

“O imóvel necessita de uma intervenção urgente uma vez que o seu estado de degradação”.

 

O Município pretende incrementar a “requalificação do centro histórico urbano, contrariando a tendência de «despovoamento do centro histórico» sendo assim necessário investir na reconstrução do casco histórico, onde grande parte das casas se encontra em avançado estado de degradação”.

 

 

Depois de recuperado o edifício deverá servir para construir “um novo espaço museológico para expansão de arte na cidade”.

 

Os vereadores do PS, Cristina Correia e Manuel Simões, aprovaram mas declaram que o valor é “excessivo” para o estado de degradação do imóvel, “Investir 260 mil na compra do mesmo” é “caro” em virtude do estado do imóvel ser apenas aquisição de terreno.

 

 

%d bloggers like this: