fbpx

COVID-19: Detido por violar confinamento

No concelho de Vila Nova de Foz Côa foi detido um cidadão por violação de confinamento obrigatório COVID-19.

“O Comando Territorial da Guarda, através do Posto Territorial de Vila Nova de Foz Côa, no dia 24 de novembro, deteve um homem de 51 anos por violação do confinamento obrigatório no âmbito da pandemia COVID-19, no concelho de Vila Nova de Foz Côa” refere a GNR na nota.

Após uma denúncia, “os militares da GNR verificaram que o homem, a quem tinha sido determinado o dever de confinamento obrigatório, se encontrava ausente da sua residência a conduzir um veículo enquanto exercia a sua atividade profissional”.

“O homem foi constituído arguido, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Vila Nova de Foz Côa”. A GNR recorda que ficam em confinamento obrigatório no respetivo domicílio ou noutro local definido pelas autoridades de saúde todos os doentes com COVID-19, os infetados com SARS-CoV-2, e os cidadãos relativamente a quem a autoridade de saúde ou outros profissionais de saúde tenham determinado vigilância ativa.

A violação do confinamento obrigatório constitui crime de desobediência.