As notícias da Guarda mais perto de Si

Celorico promete levar supressão das passagens de nível ao Ministério das Infraestruturas

Publicidade

 

Na requalificação dos 46 km de traçado da linha férrea, entre Celorico da Beira e a Guarda está prevista a “supressão das passagens de nível de Celorico Gare e a de Baraçal com a construção dos respetivos desnivelamentos e restabelecimentos”.

 

Recorde-se que as Infraestruturas de Portugal (IP) lançaram o procedimento para a ligação ferroviária entre Celorico da Beira e a Guarda, por um valor base de 90,4 milhões de euros e 760 dias de prazo de conclusão.

 

A propósito dessa intervenção, o “Município de Celorico da Beira tem desenvolvido conversações com as Infraestruturas de Portugal, IP, que é a entidade que tem a responsabilidade de propor as soluções mais adequadas de intervenção nos pontos de supressão de passagens de nível”.

 

“Os interesses das populações foram sempre defendidos pela Câmara, aquando da avaliação das soluções técnicas possíveis apresentadas pela IP”, refere Carlos Ascensão atual presidente da Câmara de Celorico da Beira.

 

Algumas situações foram alteradas por proposta da Câmara Municipal de Celorico da Beira, “mas as soluções de fundo, no que concerne à supressão das passagens de nível, ficaram muito aquém do que pretendíamos e das alternativas por nós propostas, sendo as mesmas da exclusiva responsabilidade das Infraestruturas de Portugal e do governo”.

 

A Câmara Municipal promete levar “supressão das passagens de nível” a reunião agendada com Ministro das Infraestruturas de Portugal no “próximo dia 30 de março, na qual será analisado o ponto da situação”.

 

O município reitera que a “responsabilidade desta obra é do Governo Português. Nós, Autarquia, continuaremos a trabalhar com as Infraestruturas de Portugal para concluir o processo, sempre com rigor e sentido de Estado”.

 

No quadro do Plano de Investimentos Ferrovia 2020, a ligação Porto/Aveiro – Vilar Formoso pela Linha da Beira Alta, foi definida “como um projeto prioritário que visa reforçar a ligação do Norte e Centro de Portugal com a Europa por caminho-de-ferro, de modo a viabilizar um transporte ferroviário de mercadorias eficiente, potenciando o aumento da competitividade da economia nacional”.

 

FOTO(s): Município de Celorico da Beira

 

 

 

 

 

 

 

(Fim do artigo – www.guardanoticias.pt – As notícias da Guarda no Facebook e Twiter). G-WH913LSLRB 86d4e63d557e44029786b77c5bab0cb3