As notícias da Guarda mais perto de Si

IP3 promete chegar rápido a Viseu

 

O ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, garantiu que, apesar de alguns atrasos na requalificação do Itinerário Principal – IP3, entre Viseu e Coimbra, “não há nenhuma razão” para que a obra não fique concluída em 2024, como previsto.

 

O presidente da Câmara de Viseu, Almeida Henriques (PSD), tem criticado o atraso na empreitada de requalificação do troço do IP3 entre os nós de Penacova e a ponte da Foz do Dão, iniciada em maio de 2019 e que tinha um prazo de execução de 330 dias.

 

Já João Azevedo, ex-presidente da Câmara de Mangualde (PS), considera que “em todo o IP3, o troço que liga Viseu a Coimbra é o único com perfil de via rápida”.

 

“Nesse sentido, irá ser duplicada a circulação, onde for tecnicamente possível, conferindo a esse troço um perfil de autoestrada, mas sem implicar o pagamento de portagens pelos utentes”, avança.

 

“No Verão de 2021 serão incorporadas as recomendações de impacto ambiental que se encontram neste momento a ser finalizadas para que a primeira empreitada se inicie até ao final do ano de 2021. A duplicação do IP3 estará concluída no final do ano de 2024”, afirma João Azevedo.

 

FOTO(s): IP3 Coimbra – Viseu

 

(Fim do artigo – www.guardanoticias.pt – As notícias da Guarda no Facebook e Twiter).