fbpx

Detido na Covilhã por agredir ex-companheira de 23 anos

 

A GNR do Tortosendo na Covilhã deteve um homem de 27 anos suspeito de exercer violência física e psicológica sobre a sua ex-companheira de 23 anos, a vítima teve que abandonar a residência que partilhava. O individuo ficou com medidas de coação entre elas ficou “controlado por pulseira eletrónica”.

 

O Comando Territorial de Castelo Branco, através do Posto Territorial de Tortosendo, no dia 13 de abril (ontem), deteve um homem de 27 anos por violência doméstica, no concelho da Covilhã.

 

No âmbito de uma investigação por violência doméstica, os militares da GNR apuraram que o agressor “exercia reiteradamente violência física e psicológica, através de agressões físicas, ameaças de morte e ofensas verbais sobre a vítima, sua ex-companheira de 23 anos, com a qual manteve uma relação durante cinco anos”.

 

Durante o relacionamento e perante o escalar da gravidade dos factos, tendo o suspeito intensificado o seu comportamento violento, a vítima acabou por abandonar a residência que partilhava com o agressor na companhia do filho de ambos de quatro anos, por temer pela própria vida. A investigação culminou com a detenção do suspeito.

 

O detido foi presente a primeiro interrogatório no Tribunal Judicial da Covilhã, ontem, no dia 13 de abril, onde lhe foram aplicadas as medidas de coação de proibição de contactos por qualquer forma ou meio com a vítima, controlado por pulseira eletrónica.