As notícias da Guarda mais perto de Si

Descontos de 50% nas portagens “inevitável”:

Publicidade

 

Em comunicado, a Plataforma refere que agora foi a própria ministra Ana Abrunhosa, que em audição no Parlamento, disse o “inevitável”: “A decisão da Assembleia da República é legal”.

 

A Plataforma P’la Reposição das SCUT A23 e A25 reafirmou esta quinta-feira que os descontos nas portagens são legais e que quaisquer argumentos para não cumprir a redução do preço em 50%, a partir do dia 1 de julho, “são absolutamente lamentáveis”.

 

Em comunicado enviado à agência Lusa, a Plataforma refere que agora foi a própria ministra Ana Abrunhosa, que em audição no Parlamento, disse o “inevitável”: “A decisão da Assembleia da República é legal”.

 

Importa assinalar que esta foi também a interpretação de todos os grupos parlamentares, incluindo o grupo parlamentar do Partido Socialista. Ora, assim sendo, no dia 1 de julho, o preço das portagens deve ser reduzido em 50% para todos os veículos de combustão e 75% para os elétricos e não poluentes”, referem na nota.

 

“Quaisquer outras interpretações e ou argumentos para não cumprir a decisão, colocando na Assembleia da República a responsabilidade de indicar onde pretende ir buscar as verbas necessárias são absolutamente lamentáveis e apenas servem para lançar nuvens sobre um processo que foi transparente e é legal e não deixa dúvidas sobre a responsabilidade de aplicação da redução”, avançam na nota enviada à Lusa.

 

 

(Fim do artigo – www.guardanoticias.pt – As notícias da Guarda no Facebook e Twiter). G-WH913LSLRB 86d4e63d557e44029786b77c5bab0cb3