As notícias da Guarda mais perto de Si

Mêda também desconfina nesta fase, mas está num grupo de concelhos de risco

 

O Governo decidiu dar luz verde à terceira fase do plano de desconfinamento, com início a partir da próxima segunda-feira, 19 de abril, para a “generalidade” do território continental.

 

Os concelhos de risco (sete) permaneçam na segunda fase, enquanto os municípios onde o risco é muito elevado (quatro) são obrigados a recuar para a primeira etapa da reabertura.

 

A maior parte dos concelhos irá transitar para a próxima fase de desconfinamento, embora alguns, sobretudo no centro e Algarve terão um retrocesso nas “liberdades”.

 

Isto significa, para a maior parte dos concelhos o regresso de várias atividades, mas há um alerta deixado pelo primeiro-ministro.

 

Há treze concelhos com 120 casos por 100 mil habitantes que têm de “estar atentos” à evolução da pandemia nos próximos 15 dias e, um deles, é Mêda, Aljezur, Almeirim, Barrancas, Miranda do Corvo, Miranda do Douro, Vila Franca de Xira, Paredes, Penalva, Resende, Valongo, Olhão e VN Famalicão.

 

Segundo o último relatório da Autoridade de Saúde da Guarda no concelho da Mêda ainda há 9 casos de infeção por Covid-19 ativos. Durante a pandemia foram confirmados neste concelho 500 casos, 15 óbitos e 476 recuperados.

 

Segundo a pordata o concelho da Mêda tem atualmente 6167 residentes.

 

 

(Fim do artigo – www.guardanoticias.pt – As notícias da Guarda no Facebook e Twiter).