fbpx

Nove Detidos em Vilar Formoso por auxílio à emigração ilegal

 

A GNR deteve sete homens estrangeiros por permanência ilegal em Portugal e dois homens, também estrangeiros, por suspeita de auxílio à imigração ilegal, com idades entre 26 e 43 anos, na fronteira de Vilar Formoso, foi este sábado anunciado.

 

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Vilar Formoso, hoje, dia 15 de maio, deteve dois homens de 29 e 32 anos por auxílio à imigração ilegal, e seis homens e uma mulher, com idades compreendidas entre os 26 e os 43 anos, por permanência ilegal em território nacional, em Vilar Formoso.

 

Após uma denúncia que vários cidadãos estrangeiros iriam entrar em Portugal através da fronteira de Vilar Formoso, os militares da Guarda deslocaram-se para o local, tendo detetado vinte e dois homens e uma mulher, de várias nacionalidades asiáticas, no interior de duas viaturas de transporte de passageiros. Após solicitarem a identificação dos mesmos, foi estabelecido contacto com o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), tendo-se apurado que cinco homens e uma mulher, de nacionalidade indiana, e um homem, proveniente do Bangladesh, se encontravam em território nacional sem a devida autorização, tendo sido detidos.

 

No decorrer da ação, foram ainda detidos dois homens de nacionalidade paquistanesa pelo crime de auxílio à imigração ilegal.

 

Os detidos encontram-se nas instalações da GNR e serão presentes, no dia 17 de maio, ao Tribunal Judicial de Almeida.