fbpx

Apreensão de armas de fogo na Covilhã

A GNR da Covilhã identificou ontem um Homem por posse ilegal de armas de fogo.

O Comando Territorial de Castelo Branco, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) da Covilhã, ontem, dia 7 de junho, identificou um homem de 56 anos por posse ilegal de arma e apreendeu três armas de fogo, no concelho da Covilhã.


No âmbito de uma investigação que decorria há cerca de quatro meses, os militares da Guarda apuraram que o suspeito terá ameaçado terceiros, na via pública, com armas de fogo. No decorrer das diligências policiais foi dado cumprimento a dez mandados de busca, quatro domiciliárias e seis em veículo, resultando na apreensão de: Duas caçadeiras; Uma pistola de calibre 6,35 mm; Duas armas brancas; Diversas munições de diferentes calibres.


O suspeito foi constituído arguido, e os factos foram remetidos para o Tribunal Judicial da Covilhã.


A ação contou com o reforço do Grupo de Intervenção de Ordem Pública (GIOP) da Unidade de Intervenção (UI), da estrutura de investigação criminal de Castelo Branco, do Destacamento de Intervenção (DI) de Castelo Branco e do Destacamento Territorial da Covilhã.