As notícias da Guarda mais perto de Si 86d4e63d557e44029786b77c5bab0cb3

Seia apoiou 182 empresas com 71 mil euros

 

O programa municipal criado para minimizar os efeitos da pandemia no tecido empresarial do concelho de Seia abrangeu um total de 182 empresas e empresários em nome individual, num valor total de 71.660,51 euros, anunciou ontem a autarquia de Seia.

 

Segundo a Câmara Municipal de Seia, presidida por Carlos Filipe Camelo, o programa “Seia Consigo 2021”, que teve as candidaturas abertas durante o mês de maio, foi “desenhado pelo município para relançar a economia do concelho”.

 

“O programa de apoio, que deixou de fora a banca e [as] superfícies comerciais acima dos 700 m2 [metros quadrados], rececionou um total de 197 candidaturas, das quais seis apresentaram desistência e nove foram indeferidas, por não cumprirem o disposto em regulamento”, refere a autarquia em comunicado enviado à agência Lusa.

 

De acordo com a nota, o programa “contemplou a comparticipação de despesas fixas e variáveis, no montante máximo de 400 euros, para empresas com sede/domicílio fiscal ou estabelecimento comercial no concelho de Seia, com 15% ou mais de quebra de faturação no ano civil de 2020, face ao ano anterior”.

 

O apoio ao tecido económico surgiu na sequência dos estímulos ao consumo local que têm sido desenvolvidos pela autarquia de Seia, no distrito da Guarda, para fazer face à contração económica provocada pela pandemia, destacando-se o programa “Compre(em)Seia”, que permitiu injetar na economia local 75 mil euros, o apoio ao arrendamento/prestação bancária de imóveis adstritos à atividade económica, num investimento de cerca de 40 mil euros, e o apoio de 72.800 para quebras de faturação, lançado no início do ano.

 

O município lembra que está em vigor a segunda edição do “Compre(em)Seia”, com uma dotação de 25 mil euros, que termina no final do mês de junho e cujo sorteio terá lugar no dia do Feriado Municipal, que é assinalado no sábado, dia 03 de julho.

 

(Fim do artigo – www.guardanoticias.pt – As notícias da Guarda no Facebook e Twiter).