As notícias da Guarda mais perto de Si

Chaves Monteiro: “Vou lutar contra coligações negativas que impedem obras na Guarda”

 


O candidato do PSD garante que uma das suas primeiras medidas, sendo eleito presidente da Câmara da Guarda, será solicitar a marcação de uma Assembleia Municipal para aprovar o plano que permite construir a Alameda dos F’s, uma importante ligação do centro da cidade à autoestrada. No penúltimo dia de Campanha Eleitoral, Carlos Chaves Monteiro apelou ao “voto em consciência para uma maioria clara e inequívoca que garanta a estabilidade e o desenvolvimento do município”.

 

(Leia o artigo até ao fim – www.guardanoticias.pt – As notícias da Guarda mais perto de si).

 

Carlos Chaves Monteiro, presidente da Câmara da Guarda e candidato do PSD ao próximo mandato, garantiu hoje que vai “lutar contra coligações negativas de forças políticas que impedem o avanço de obras e de projetos importantes para o desenvolvimento da cidade e do concelho da Guarda”. No penúltimo dia de Campanha Eleitoral para as Autárquicas 2021, o autarca pediu maioria absoluta aos guardenses para que “projetos como a Alameda dos F’s não sejam chumbados apenas por interesses pessoais e politiquices, que só prejudicam os guardenses e o seu futuro”.

 

“Ainda estou incrédulo com o sucedido na última Assembleia Municipal: houve um conluio de uma certa e oportunista oposição contra o desenvolvimento da Guarda, contra obras que ansiamos há mais de duas décadas!”, afirmou Carlos Chaves Monteiro. “O plano de desenvolvimento urbano que permite a construção da Alameda dos F’s – uma importante ligação do autoestrada ao centro da cidade – foi retirado da ordem de trabalhos na última Assembleia Municipal depois de dois anos e meio de trabalho intenso e minucioso, o qual envolveu tanto os técnicos da Câmara, como entidades externas e teve a aprovação de todo o processo por parte da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro”.

 

A construção da Alameda dos F’s, a qual terá quatro vias e uma ciclovia que liga a rotunda dos F’s na zona urbana à Via de Cintura Externa, está prevista no “Plano de Urbanização do Cabroeiro”. O projeto que prevê dar uma nova centralidade à cidade, ao ligar a zona alta à zona baixa do município, obteve parecer favorável do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, da Reserva Agrícola Nacional e da Reserva Ecológica Nacional.

 

“Eu e a minha equipa não vamos deixar morrer este projeto! Sendo eleito como presidente da Câmara no próximo domingo, uma das minhas primeiras medidas será solicitar a convocação de uma nova Assembleia Municipal para corrigir este erro histórico”, afirmou Carlos Chaves Monteiro. “O projeto não tem qualquer vício ou ilegalidades, passou por todas as entidades competentes e obteve parecer favorável”.

 

O candidato quer continuar a “liderar o maior ciclo de crescimento da história” do concelho, e apela, por isso, ao “voto em consciência para uma maioria clara e inequívoca que garanta a estabilidade e o desenvolvimento do município”, afirmou Carlos Chaves Monteiro. “A Guarda não precisa de divisionismos que não têm qualquer sentido de serviço à comunidade!”.

 

Carlos Chaves Monteiro referiu ainda a “confiança” que as empresas e os cidadãos têm na Câmara. “Temos provas dadas do bom trabalho desenvolvido nesta cidade. Hoje, as pessoas, as juntas de freguesia, as empresas, os fornecedores, as associações e os clubes confiam em nós, confiam na Câmara da Guarda”, afirmou o candidato. “Os resultados falam por si: mais de mil novos residentes no concelho desde 2019, o desemprego está em 4%, muito abaixo da média nacional, a cidade sobe nos rankings nacionais, o ganho médio mensal dos trabalhadores por conta de outrem não para de subir e o número de empresas criadas na Guarda não para de crescer”.

 

Na Guarda, para além de Carlos Chaves Monteiro (PSD) atual presidente da Câmara da Guarda são conhecidas as candidaturas de Luís Couto (PS), Sérgio Costa (independente), Francisco Dias (Chega), Honorato Robalo (CDU), Jorge Mendes (BE) e Pedro Narciso (CDS-PP).

 

(Fim do artigo – www.guardanoticias.pt – As notícias da Guarda no Facebook e Twitter)


 

(Fim do artigo – www.guardanoticias.pt – As notícias da Guarda no Facebook e Twiter).