As notícias da Guarda mais perto de Si

Cinco Sentidos em Seia, Águeda, Idanha-a-Nova, Óbidos, São Pedro do Sul

Publicidade

 

O espetáculo de dança Cinco Sentidos vai estar em digressão pelos Municípios de Águeda, Idanha-a-Nova, Óbidos, São Pedro do Sul e Seia.

 

(Leia o artigo até ao fim – www.guardanoticias.pt – As notícias da Guarda mais perto de si).

 

Chama-se Cinco Sentidos e é um espetáculo de dança criado pela Vortice e que vai agora partir em digressão pelos Municípios de Águeda, Idanha-a-Nova, Óbidos, São Pedro do Sul e Seia que se juntaram numa rede cultural para afirmar o melhor da cultura nestes 5 municípios. O espetáculo conta com bailarinos de referência internacional e com o envolvimento da comunidade local e vai ganhar uma vida e histórias diferentes em cada um dos locais. A estreia é já no próximo sábado, 28 de maio, às 22h00, na Praça de Santa Maria, em Óbidos.

Publicidade

 

Cinco municípios, 5 culturas, 5 sentidos… O espetáculo foi beber o melhor e mais identitário de cada um dos 5 territórios e foi construído tendo em conta a partilha de saberes e experiências entre os municípios. “É um espetáculo itinerante que ganha sentido ao trazer e levar a identidade cultural e artística de cada local. Em resumo, serão cinco terras, cinco gentes, cinco almas…. todas diferentes, unidas pelo mérito das práticas culturais e artísticas que promovem”, resume a Vortice Dance Company.

 

Dirigido por Cláudia Martins e Rafael Carriço o espetáculo vai cruzar diversas linguagens artísticas, nomeadamente a dança, a música e o videomaping. Arte Urbana, música tradicional, Literatura, Empoderamento Feminino e Cinema… Em cada um dos municípios o espetáculo irá reinventar-se e ganhar nova forma já que pretende transmitir a alma de cada cultura. Para isso  vão contar com a participação de grupos locais.

 

Assim, o primeiro espetáculo é já no próximo sábado, em Óbidos e a literatura será o fio condutor do primeiro espetáculo, não fosse esta uma cidade criativa da UNESCO. Aqui o espetáculo vai ganhar sentido e cor pela fusão de artes e saberes e os poemas vão ganhar vida e voar das folhas de papel para as paredes.

 

A dança continua em Águeda, no dia 8 de julho, às 21h30. Aqui o espetáculo vai viajar pelas ruas, sentir a energia inebriante e inspiradora desta cidade, repleta de cores e emoções e inspirar-se nas sensações que a arte provoca nas pessoas.

 

A 30 de julho o encontro é com as estrelas em Seia. O espetáculo será às 22h00, no Largo da Câmara Municipal de Seia. Desta feita, a viagem será pelo mundo da imagem, do cinema e da comunhão  com a natureza.

 

Em Idanha-a-Nova o espetáculo está marcado para o dia 20 de agosto. Nesta cidade criativa da UNESCO, a força é a da música. Aqui traz-se a alma da tradição e as coisas das gentes e junta-se a linguagem multifacetada e contemporânea.

 

Os últimos passos serão dados em São Pedro do Sul. O espetáculo está marcado para o dia 27 de agosto, às 21h30, na Praça do Município. O centro das atenções será o Canto Polifónico Feminino, Candidato a Património Cultural Imaterial da Humanidade da UNESCO e as vozes das mulheres que lhes dão vida. Assim, far-se-á um paralelismo do talento que corre na alma destas artistas e da força e beleza das águas que lhes brotam na terra.

 

Este espetáculo insere-se no Projeto de Cultura em Rede 5 municípios, 5 culturas e 5 sentidos. É cofinanciado pelo Centro 2020, Portugal 2020 e União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

 

 

 

(Fim do artigo – www.guardanoticias.pt – As notícias da Guarda no Facebook e Twitter)

 

Publicidade
(Fim do artigo – www.guardanoticias.pt – As notícias da Guarda no Facebook e Twiter). G-WH913LSLRB 86d4e63d557e44029786b77c5bab0cb3
%d bloggers like this: