As notícias da Guarda mais perto de Si

Investigadores da UBI na lista dos mais importantes a nível internacional

Publicidade

O estudo foi elaborado pela Universidade de Stanford, dos Estados Unidos, em colaboração com a editora de publicações científicas, a Elsevier BV.

 

A Universidade da Beira Interior (UBI) tem cerca de duas dezenas de investigadores na lista dos mais importantes do mundo. No estudo World’s Top 2% Scientists List 2022, elaborado pela Universidade de Stanford (Estados Unidos da América), a UBI está representada por 19 elementos no grupo dos mais citados em 2021. Três deles integram mesmo o ranking dos cientistas com maior impacto no decurso da carreira.

 

O relatório, centrado no mérito científico de milhares de investigadores de todo o mundo, abrange 22 áreas e 176 subáreas do saber. É elaborado no âmbito de uma parceria entre a prestigiada editora holandesa Elsevier BV e a academia norte-americana, que é também uma das mais importantes do mundo.

Publicidade

 

Os elementos da UBI incluídos na World’s Top 2% Scientists List 2022 abrangem diversos domínios científicos e representam a excelência da investigação da UBI, que é transversal às diversas áreas da academia.

 

O estudo coloca em destaque o trabalho de João Ferreira (Gestão e Economia), Helena Alves (Marketing), Arminda Paço (Marketing), Mário Franco (Gestão e Economia), Paulo J. Oliveira (Polímeros), Hugo Proença (Inteligência Artificial e Processamento de Imagem), Victor Moutinho (Energia), António Cardoso Marques (Energia), Sónia P. Miguel (Polímeros), Ilídio J. Correia (Polímeros), Sandeep Pirbhulal (Redes e Telecomunicações), Luís A. Alexandre (Inteligência Artificial e Processamento de Imagem), Roshan Paul (Materiais), Elisabete C. Costa (Farmácia e Farmacologia), André F. Moreira (Farmácia e Farmacologia), Alexey S. Koshelev (Física Nuclear e de Partículas), Paulo N. B. Reis (Materiais), Duarte de Melo-Diogo (Farmácia e Farmacologia) e Nuno M. Garcia (Inteligência Artificial e Processamento de Imagem). No capítulo impacto de carreira, são referidos Paulo J. Oliveira, Hugo Proença e Luís Alexandre.

 

Esta não é a primeira vez que a UBI surge no World’s Top 2% Scientists list, que desde 2020 vê os seus investigadores incluídos neste ranking.

 

 

Publicidade

 

 

 

 

Publicidade
(Fim do artigo – www.guardanoticias.pt – As notícias da Guarda no Facebook e Twiter). G-WH913LSLRB 86d4e63d557e44029786b77c5bab0cb3
%d bloggers like this: