As notícias da Guarda mais perto de Si

ASAE apreende contrafação, droga e bastões extensíveis na cidade da Guarda

Publicidade

 

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) anunciou hoje ter apreendido, na Guarda, 3.193 artigos contrafeitos, dois bastões extensíveis e 2,14 gramas de haxixe, na sequência da execução de mandados de busca.

 

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (#ASAE ), através da sua Unidade Nacional de Informações e Investigação Criminal (UNIIC), realizou mandados de busca, na cidade da #Guarda, emitidos no âmbito de dois processos-crime em investigação relacionados com a comercialização de produtos contrafeitos através das redes sociais, refere a ASAE em Comunicado.

 

This slideshow requires JavaScript.

Publicidade

 

Os mandados visaram dois domicílios e cinco viaturas utilizadas pelos suspeitos tendo sido também realizada uma pesquisa de dados informáticos em telemóveis e computadores alegadamente usados para a prática do crime em investigação.

 

No decurso das diligências, foram apreendidos 3.193 artigos contrafeitos (vestuário, calçado e insígnias), dois #bastões extensíveis de uso exclusivo das forças e serviços de segurança e ainda 2,14 gramas de haxixe, tudo num valor total estimado de € 24.100,00.

 

Foram constituídos como arguidos 3 indivíduos por crime de venda e ocultação de produtos contrafeitos, tendo um dos indivíduos sido constituído arguido ainda pela prática de crime de posse de arma ilegal (bastões extensíveis) e a posse de haxixe notificada à Comissão da Dissuasão da Toxicodependência da Guarda.

 

A operação contou com a colaboração da PSP – Comando Distrital da Guarda. A ASAE continuará a acompanhar o fenómeno da venda de contrafação online, promovendo a proteção da propriedade industrial e intelectual dos titulares das marcas lesadas e garantindo a proteção dos consumidores.

 

Três pessoas foram constituídas arguidas, suspeitas do crime de venda e ocultação de produtos contrafeitos, tendo uma delas sido ainda constituída arguida “pela prática de crime de posse de arma ilegal (bastões extensíveis)”.

 

A posse de haxixe foi notificada à Comissão da Dissuasão da Toxicodependência da Guarda.

 

A operação contou com a colaboração da Polícia de Segurança Pública.

 

 

Publicidade

 

 

 

Publicidade
(Fim do artigo – www.guardanoticias.pt – As notícias da Guarda no Facebook e Twiter). G-WH913LSLRB 86d4e63d557e44029786b77c5bab0cb3
%d bloggers like this: